O DENATRAN, junto ao CONTRAN divulgou na terça-feira, (27 de abril de 2021), as Novas Regras para faseamento da regulamentação do Toxicológico Periódico, por meio da Deliberação nº 222.



Prazo de 25 dias para liberação do laudo do Toxicológico

A primeira é a extensão para o prazo de emissão dos laudos do Toxicológico Periódico, renovação e mudança de categoria; que foi prorrogado de 15 para 25 dias, independente de resultados negativos ou positivos.

O novo prazo de 25 dias para emissão dos laudos do Toxicológico CNH (renovação, mudança de categoria ou periódico) foi adotado pelo DENATRAN e CONTRAN em atendimento à reivindicação do mercado toxicológico (laboratórios de coleta e apoio) que teve um aumento exponencial de demanda, sendo impossível manter o prazo praticado usualmente.

Prorrogação e faseamento do início da fiscalização do Toxicológico a partir de 1º de julho de 2021.


Outras medidas concedidas pelo DENATRAN, a fim de organizar o mercado Toxicológico pós entrada do exame intermediário é a prorrogação para o início da fiscalização das Novas Regras do Toxicológico Periódico, previsto a partir de 1° de julho de 2021.

Além da prorrogação, o faseamento para cumprimento da Nova Regra, de acordo com o período do vencimento da última CNH ajudará o mercado absorver a demanda dos exames toxicológicos periódicos de forma mais orgânica, sem maiores transtornos aos motoristas e demais doadores que dependem do resultado do toxicológico independente da modalidade do, exibimos a lista contendo os prazos para início das fiscalizações, de acordo com o período do vencimento da última CNH, para que os motoristas se atentem ao prazo limite para realização do toxicológico intermediário:





         Copyright© 1994-2021    Sua empresa Precisa - Sua Empresa Merece!     |     Pabx: (11)  5548.6900      www.inmetra.com.br     |      Todos os direitos reservados | by Inmetra ® |   Assinar Newsletter